grego

20 de fev de 2007

Sl 63 - Uma Oração


Ó Deus, eu te busco ansiosamente. O meu corpo te deseja como a terra árida, exausta, clama por água. Não te escondas de mim quando eu te busco! Não te afastes de minha alma quando clamo por ti!

Tu és o meu Deus forte; sem ti nada sou. Longe de ti sou como um galho arrancado da videira: há marcas em mim e em ti. Torna a enxertar-me. Deixa-me provar de tua seiva, saciar-me com teu sustento.

Ah! Jardineiro de minha alma, refresca-me do calor sufocante das angústias, orvalha-me com tua doçura e bondade e aduba-me com tua misericórdia e graça.

Meu Deus, espero em ti, não te demores. Volve os olhos para mim e vê as marcas de teu Filho, Jesus, que está entre nós, amém!

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial